Nossa seleção é realizada por médicos veterinários e adestradores voluntários. Inicialmente faremos a avaliação de temperamento do cão por meio de entrevista e questionários. Utilizamos um questionário internacional de avaliação de comportamento canino acrescido de perguntas relacionadas às questões de saúde do animal. Após avaliação e aval da equipe de seleção, o tutor é avisado via e-mail ou telefone para agendar horário para a etapa seguinte. Lembramos que o processo seletivo é trimestral, fique atento a nossa agenda (link item 2.3).

A segunda etapa é presencial e prática, consistindo em simulados para identificar o comportamento do animal. Para isso, utilizamos uma metodologia mista de três tipos de testes internacionais:

- Canine Good Citizen Test do American Kennel Club (AKC): teste para mostrar que o cão pode ser treinado para sempre se comportar em casa, em locais públicos na presença de outros cães. Ele avalia o bom comportamento e temperamento do animal em diversas situações experimentais, tais como: interagir com pessoas estranhas e outros cães, responder a comandos de adestramento básicos e passear tranquilo. É uma avaliação de cães para bom comportamento.

- TDI (Therapy Dogs International): simulado de situações que podem ser incomuns ao cão, tais como o uso de cadeiras de rodas ou o contato com crianças, por exemplo.

- PPP (Pet Partners Program): simulado de visita a uma instituição com cão terapeuta para analisar atitudes, tais como: sensibilidade ao toque, carinho por diversas pessoas, abraço etc.

 

Por fim, após os simulados, a dupla de voluntários recebe uma das quatro avaliações possíveis:

A: Não adequado para terapias assistidas: apresentou problemas de agressividade, medo ou timidez excessiva. Não recomendado para novos testes.

B: Não estão prontos: precisam de mais treinos e cuidados, como maior socialização por exemplo. Recomendado nova avaliação no futuro.

C: Estão prontos mas apenas para alguns tipos de interações em que as atividades e circunstâncias são consistentes e previsíveis. Um exemplo seria uma escola comum, eventos ou asilos com supervisão constante. Recomendado cuidados e treinos para tentar ser aprovado no nível seguinte.

 

D: Estão prontos para trabalhar em situações de alta interação e potencialmente imprevisíveis, como o caso de hospitais ou instituição de saúde para pessoas em estado grave. É o resultado ideal esperado para ser integrante do Pet Amigo!