Nas últimas seleções, nenhum cão foi avaliado no nível A – Não adequado para TAA, o que mostra que nossos voluntários já conhecem seus parceiros!

Um caso curioso que tivemos foi um cachorrinho que se comportava muito bem sozinho mas se alterava com a presença de sua companheira canina que também participava da seleção. A solução foi trabalharmos com ele sozinho, obtendo nível D na última avaliação. Hoje ele é uma das estrelas do Pet Amigo!

 

Assim, se seu cachorro não obtiver o resultado D na primeira tentativa, continue em contato conosco para que possamos trabalhar melhor seu comportamento. Nossa equipe conta com voluntários veterinários e adestradores.